25 Sep, 2017 Última atualização em 4:59 PM, Sep 12, 2017

Deputado Fred Costa cobra de concessionária intervenções urgentes na BR-040

VIA 040 | O deputado Fred Costa e os moradores solicitaram que ao menos sejam feitas medidas paliativas emergenciais, uma vez que o motorista, que paga pedágio desde março de 2015, não está vendo o retorno por parte da empresa. VIA 040 | O deputado Fred Costa e os moradores solicitaram que ao menos sejam feitas medidas paliativas emergenciais, uma vez que o motorista, que paga pedágio desde março de 2015, não está vendo o retorno por parte da empresa.
Publicado em Trânsito
Lido 230 vezes
Avalie este item
(0 votos)
Tagged sob

No último dia 29 de março, o deputado estadual Fred Costa, juntamente com moradores de bairros e condomínios do entorno da BR-040, se reuniu com representantes da Concessionária Via-040 - Invepar, para cobrar que sejam feitas intervenções com urgência na rodovia.

Apesar de a privatização do trecho entre Brasília e Juiz de Fora estar completando três anos, ainda não se deu início às obras de duplicação após o Trevo de Ouro Preto, próximo ao Alphaville Lagoa dos Ingleses, até Congonhas e, com isso, os índices de acidente continuam aterrorizando a quem passa por ali diariamente.

Os moradores já realizaram diversas reuniões com o deputado na Assembleia Legislativa do Estado de Minas Gerais (ALMG) quando demonstraram a preocupação com os crescentes números de acidentes no trecho entre o Jardim Canadá e Conselheiro Lafaiete, onde em diversos pontos da rodovia não existe passagem para pedestre e tem um fluxo enorme de caminhões.

Na reunião, os presentes foram informados pela concessionária que a o licenciamento ambiental, que tem sido um entrave para o início das obras, pode não ser liberado para o trecho que passa em frente à Estação Ecológica de Fechos, justamente um dos pontos com o maior índice de acidentes em toda a rodovia. Diante disto, o deputado Fred Costa e as lideranças dos moradores solicitaram que ao menos sejam feitas medidas paliativas emergenciais, uma vez que o motorista, que paga pedágio desde março de 2015, não está vendo o retorno por parte da empresa. “Neste momento, exigimos apenas o básico para garantir uma segurança mínima na pista. Intervenções para reduzir a aquaplanagem, instalação de radares de velocidade, instalação de olho de gato e construção de divisória entre as pistas”, disse Fred Costa.

A concessionária recebeu diversos ofícios do deputado, com intervenções e melhorias em pontos específicos de grande risco na rodovia. A Via-040 se comprometeu a realizar visitas técnicas em cada um destes pontos para verificar a possibilidade de atender as demandas, e já sinalizou a possibilidade de intervenções para reduzir a aquaplanagem nos dias de chuva e a colocação de tachões de sinalização. Segundo informação técnica da concessionária, entretanto, a instalação de barreiras divisórias entre as pistas – essenciais para minimizar a ocorrência de colisões frontais – só poderá ser executada após a duplicação, pois hoje seria impossível fazer o alargamento da pista.

Fred Costa aguarda que as demandas sejam atendidas, mas já adiantou que, caso a concessionária não dê uma resposta com urgência para os altos índices de acidentes, já está sendo pré-agendado com os moradores uma manifestação para o início de maio na região do Jardim Canadá.

Jornal Belvedere

Artigos assinados são de inteira responsabilidade do autor. Não expressando, portanto, a opinião da redação do Jornal Belvedere.

Folhear Última Edição

267

 

Anuncie Aqui2016 05