23 Nov, 2017 Última atualização em 1:26 PM, Nov 13, 2017

Moradores voltam a pedir pelo cumprimento de decisão da Justiça por proibição de carretas na MG-030

Manifestação | De forma ordeira e com faixas, moradores protestaram contra o tráfego de carretas de minério na rodovia MG-030 Manifestação | De forma ordeira e com faixas, moradores protestaram contra o tráfego de carretas de minério na rodovia MG-030
Publicado em Trânsito
Lido 111 vezes
Avalie este item
(0 votos)

Na Semana do Trânsito, representantes da União de Moradores do Belvedere, Vila da Serra, MG-030 e Região (UNIVIVA) realizaram manifestação para, mais uma vez, alertar sobre o perigo do tráfego de centenas de carretas de minério na MG-030.

As comemorações da Semana do Trânsito em Nova Lima, nesse ano, ganharam um capítulo à parte na região da rodovia MG-030. O dia Nacional do Trânsito, comemorado em 25 de setembro, foi celebrado, no último dia 23, através de uma manifestação pacífica e ordeira, realizada pela União de Moradores do Belvedere, Vila da Serra, MG-030 e Região (UNIVIVA), com apoio do deputado Fred Costa (PEN). A concentração se deu às 10 horas, em frente à barreira da Polícia Rodoviária Estadual (PRE), e encerrou os eventos realizados durante a semana que contou com a participação dos alunos do Colégio Santo Agostinho, Unidade Vale dos Cristais.

O principal objetivo da ação da UNIVIVA foi o de aproveitar a Semana do Trânsito para o desenvolvimento da conscientização social sobre a segurança na rodovia, local onde centenas de carretas de minério utilizam como sendo seu itinerário para escoamento da produção de finos de minério vindos da Mineração Phoenix e Mina Corumi. De acordo com os dirigentes da UNIVIVA, todas as ações realizadas, principalmente, aquelas desenvolvidas pelos alunos do Colégio Santo Agostinho (veja matéria nesta edição), visam conscientizar a todos e exigir das autoridades que as empresas da área de mineração cumpram o Termo de Ajustamento de Conduta (TAC), celebrado com o Ministério Público Estadual, que definiu outro itinerário para o escoamento do minério até à BR-040. “Não podemos mais viver com uma tragédia anunciada nessa rodovia”, alerta o vice-presidente da UNIVIVA, Paulo Barbosa.

A ação realizada na manhã do dia 23 de setembro contou com a presença de diretores e associados da UNIVIVA, de representantes do Movimento Amoville – do condomínio Ville de Montagne, dos condomínios do entorno da MG-030 e da Promutuca. A manifestação se deu de forma ordeira, com faixas estendidas nas laterais da via, pedindo a proibição do tráfego de carretas de minério.

Em atenção especial aos presentes, a Polícia Rodoviária Estadual fechou a rodovia por alguns instantes para que faixas fossem estendidas em uma das pistas da via. Motoristas que passavam pelo local reduziram a velocidade, fizeram gestos de apoio ao movimento e seguiam o percurso com buzinas contínuas. A manifestação durou cerca de duas horas, quando os dirigentes da UNIVIVA comunicaram à PRE o término da manifestação.

A Semana de Trânsito termina, mas as ações para impedir o trânsito de carretas vão continuar, através da atuação dos dirigentes da UNIVIVA, para que se faça cumprir o que foi determinado pela Justiça. 

Jornal Belvedere

Artigos assinados são de inteira responsabilidade do autor. Não expressando, portanto, a opinião da redação do Jornal Belvedere.

Folhear Última Edição

271

 

Anuncie Aqui2016 05