Igreja Bom Jesus do Vale dá vida nova ao Vale do Sereno

Publicado Quarta, 28 Novembro 2018 12:28

Instalada provisoriamente, em breve surgirá um templo cujo projeto leva a assinatura do arquiteto Gustavo Penna, e que se inspirou na própria simbologia da fé cristã, traçando um caminho para buscar Deus.

Como toda a cidade que cresce e se organiza, surge a necessidade da instituição de valores religiosos, que preconizam o respeito e afeto mútuo, e onde se busca refúgio espiritual. Diante do desenvolvimento local, surgiu então a Bom Jesus do Vale, uma igreja católica de referência vital para a sociedade do Vila da Serra, Vale do Sereno e dos condomínios.

Instalada ainda provisoriamente em um contêiner, o espaço dará lugar um templo cujo projeto leva a assinatura do arquiteto Gustavo Penna, e que se inspirou na própria simbologia da fé cristã, traçando um caminho para buscar Deus. Ele explica que a concepção da planta levou em consideração alguns importantes elementos. “A cruz na porta de entrada não propõe um fim, mas um caminho, trabalhando a questão da libertação do pensamento no outro, no amor ao próximo, no fato de estarmos juntos nessa caminhada de fé. Não se trata de uma forma que representa dor e sim uma redenção através do caminho”.

Na entrada, o projeto prevê um espelho d’água. Dentro desse espelho, Gustavo Penna projetou um altar para as celebrações ao ar livre. “É como se a Palavra flutuasse na água. E água é o início de tudo, a fonte geradora da vida, do nascimento.” Ele ressalta também as curvas convexas do teto, que foram criadas para favorecer a acústica interna do templo, “para que as pessoas percebam claramente o que está sendo dito”.

Quanto à localização da nova igreja, o arquiteto observou que geralmente as igrejas estão localizadas em locais altos, no topo das montanhas, mas que, no caso da Bom Jesus do Vale, ela está no ponto mais baixo, no vale, “onde todas as águas são acolhidas e para onde também todas as pessoas se dirigem para se reunirem em comunidade para orar e compartilhar a fé”.

Caminho para Deus

Dentro da igreja, Gustavo chama a atenção para a criação de um ambiente muito claro, muito luminoso, um local de muita luz. Como pano de fundo do altar, que será uma parede de vidro, o arquiteto ressalta que a igreja terá a mata do local, a natureza. “É uma imersão, é como se o celebrante não estivesse num espaço construído por ele e sim pela natureza, pelas mãos do Criador.”

O novo templo terá 3.974 metros quadrados de área construída e, além da igreja, contará com um complexo de atendimento, capela do santíssimo, auditório e salas multiuso.

Desde que a Igreja Bom Jesus do Vale foi transformada em Área Pastoral, no último 19 de setembro, e o padre Alexandre Fernandes nomeado o Administrador Paroquial, a rotina no Vale do Sereno, em Nova Lima, não é mais a mesma. Tudo criou vida ao seu derredor. A única missa que era realizada aos domingos foi transformada em cinco – 9h, 10h30, 12h, 18h e 19h30 – celebradas pelo padre e lotadas de fiéis.

As crianças ganharam mais um Cantinho do Céu, agora, além das 9, também na das 10h30 – enquanto os pais acompanham a liturgia, elas são evangelizadas em meio a brincadeiras e orações dirigidas por voluntárias. Há atividades todos os dias na igreja, como as pregações da Dra. Filó às terças à noite, missas às 15 horas, de terça à quinta, missa com as crianças aos sábados às 18 horas, confissões às 16 h de sábado.

A resposta positiva da comunidade tem surpreendido o padre. No primeiro dia de inscrições para a catequese da Primeira Eucaristia de 2019 todas as vagas foram preenchidas, com fila de espera. Quase todas as pastorais necessárias ao atendimento dos fiéis já foram instaladas. Na última semana a Pastoral Social fez sua primeira reunião. As 30 células já se reúnem quinzenalmente, o Gabinete de Escuta está à disposição para ouvir e compreender toda terça e quinta às 14h30. O grupo de jovens Fanuel continua com sua alegria de sempre e acaba de lançar um CD com suas músicas.

Enquanto o novo templo não começa a ser erguido, padre Alexandre Fernandes trata de transformar esta igreja provisória instalada em um contêiner em uma sede maior para comportar o crescimento de fieis, mais confortável, mais acolhedora, com melhores condições para o desempenho dos serviços pastorais e celebrações. O canto dos grilos e das cigarras continua enfeitando a mata enquanto a Bom Jesus do Vale se torna cada vez uma igreja mais viva e atuante.

Testemunho de quem viu nascer

A paroquiana Maria Aparecida Esteves de Miranda lembra que está na Bom Jesus do Vale desde a sua concepção, participando das primeiras reuniões, há cerca de sete anos. A empresária, que é presidente da Associação dos Lojistas e Comerciantes da Oscar Niemeyer (ALCON), no Vila da Serra, conta que no início a igreja contava apenas com um horário de missa e poucas atividades e, aos poucos, foi se solidificando e ganhando espaço na comunidade.

Um jornal moderno, com a credibilidade e a leveza no jeito diferente de informar. Notícias, cultura, gastronomia, negócios, eventos e muito mais sobre um dos bairros mais charmosos de BH.

31 3264.0211 | 3286.1181

Edição Digital

Inscreva-se e receba o Jornal Belvedere em formato PDF.

Não mandaremos Spam!