O dever de informar vem sempre em primeiro lugar

Publicado Sexta, 26 Janeiro 2018 10:58

Com 14 anos de existência e credibilidade, o JORNAL BELVEDERE sempre se pautou pelo bom jornalismo que ensina a ouvir todos os lados envolvidos em uma questão.

Nesses anos, a linha editorial do Jornal não se distanciou um milímetro sequer na busca da transparência, da verdade e dos princípios éticos e morais que permeiam a democracia e a sociedade.

A linha editorial sempre foi voltada a divulgar as lutas dos moradores da região e cabe citar aqui algumas delas: a criação da Estação Ecológica do Cercadinho, a instalação das Câmeras de Olho Vivo na região, a construção da Alcinha e da Trincheira, o deslocamento da praça de pedágio na BR-040, a expansão imobiliária nas áreas de proteção, a criação de Unidades de Conservação, a luta contra a mudança de zoneamento do Belvedere, a constante luta pela segurança na rodovia MG-030... e por aí vai.

Assim, ao contrário do que fora anunciado, nunca “tivemos lado” na questão que envolve o debate sobre o aumento do IPTU em Nova Lima. O debate sobre o tema retratado em edições do Jornal se lastreou na pluralidade das opiniões contrárias e favoráveis, como pode ser observado ao longo desse período em que se discutiu essa matéria tão sensível aos moradores da cidade. O Jornal abriu espaço para todos que quiseram opinar. Por isso, cremos que os embates devem ser feitos à luz do dia, aclarados com argumentos democráticos e sensatos. Não podemos deixar que arrastem o nome do Jornal e a confiança adquirida ano a ano com o leitor.

Em que pese as acusações de que estaríamos defendendo a elevação do IPTU, como cidadão somos contrários, como a maioria dos brasileiros, a aumentos de impostos, taxas e tributos públicos sem a devida e inequívoca contrapartida. As matérias jornalísticas divulgadas possuem sim opiniões que sejam eventualmente contrárias às nossas opiniões pessoais. Assim caminha a liberdade de imprensa dentro do estado democrático.

O Jornal não tem vínculo ideológico nem político. Tem, sim, como um dos pilares de sua existência, a salvaguarda do interesse público. Partindo dessa regra pétrea, o BELVEDERE não se curvará à pressões de cunho político ou outro, para que a nossa redação nunca sirva de trincheira para ataques sem fundamento às organizações, entidades e pessoas, públicas ou privadas.

Viver em sociedade implica em direitos e deveres. Ao tratarmos da questão divulgamos a opinião e argumentos da prefeitura, que afirma enfrentar sérios problemas financeiros herdados de gestões anteriores e tem no IPTU um dos mais importantes meios para conseguir prestar serviços públicos de qualidade aos cidadãos. Durante todo o tempo, o município informou que os valores de IPTU estariam defasados e que os reajustes não seriam nos percentuais alardeados como da ordem de 1.000%. Entretanto, os moradores consideram o aumento abusivo e têm todo o direito de reclamar e buscar amparo na lei ou na Justiça.

Devemos, portanto, lutar pelos nossos direitos e dos demais que convivem na nossa sociedade. Por fim, nos cabe fiscalizar para que o valor cobrado por meio do imposto, ora objeto de aumento no seu valor, seja revertido em melhorias inescapáveis que precisam ser feitas na cidade e com a máxima urgência. Seremos fiscais, enquanto portadores da preciosa liberdade de imprensa, incansáveis na cobrança de transparência dos órgãos públicos responsáveis pela aplicação dos recursos que saem dos bolsos dos moradores. É importante que a prefeitura mostre ao cidadão onde o dinheiro será investido.

Defender as próprias opiniões e ter liberdade de expressão são conquistas importantes do cidadão brasileiro, que estão resguardadas na Constituição Federal, além de serem consideradas um direito fundamental aplicado à Lei de Imprensa. O dever de informar vem sempre em primeiro lugar, embora seja preciso saber discernir o que, na era digital, é manifestação espontânea e o que é orquestração.

O espaço sempre estará aberto ao leitor e leitora para que expressem suas opiniões.

Um jornal moderno, com a credibilidade e a leveza no jeito diferente de informar. Notícias, cultura, gastronomia, negócios, eventos e muito mais sobre um dos bairros mais charmosos de BH.

31 3264.0211 | 3286.1181

Edição Digital

Inscreva-se e receba o Jornal Belvedere em formato PDF.

Não mandaremos Spam!