BHTrans dá início a novas mudanças no trânsito do Belvedere

Publicado Quinta, 11 Outubro 2018 17:17

Empresa de gerenciamento de trânsito implanta ilha de separação de pista na Avenida Paulo Camilo Penna. Outras medidas serão tomadas para ordenar o fluxo de veículos e trazer mais segurança para os pedestres.

A BHTrans deu início às obras para melhoria e segurança de trânsito no bairro. Dentro de alguns dias novas alterações deverão ser realizadas visando à melhoria do tráfego. A informação é do presidente da Associação de Amigos do Bairro Belvedere (AABB), Ubirajara Pires. Segundo ele, um dos problemas de trânsito foi resolvido com a instalação estacionamentos rotativos. Outra intervenção importante foi a instalação da ilha de separação de pista na Avenida Paulo Camilo Penna, uma.

Uma ordenação importante trazida por essa ilha de divisão de pista é com relação ao acesso pela Avenida Paulo Camilo Penna em direção à Avenida Luiz Paulo Franco. “Os motoristas subiam a avenida na contramão, se deparando com o trânsito da Luiz Paulo Franco em direção ao bairro, quando o sinal abria. Aquela esquina, em frente à academia Body Tech estava com o trânsito desordenado, com risco de acidentes. Uma jovem chegou a se acidentar ali por causa da falta de segurança  naquele ponto”, explicou Ubirajara.

Além dessa mudança, a BHTrans irá realizar obras importantes dentro do bairro. Uma delas é a instalação do traffic calm – que são elevatórias na pista para diminuir a velocidade e permitir a passagem de pedestres em frente aos bancos, onde o fluxo de passagem é muito intenso. A medida vai dar mais segurança aos pedestres que atravessam naquele ponto da Avenida Luiz Paulo Franco.

Outra melhoria realizada foi a instalação de área de carga e descarga na Rua Juvenal de Melo Senra, em frente ao BH2 Mall, para atender os lojistas do shopping e da orla da Praça Lagoa Seca.

Cruzamento da Alcinha da MG-030 com Via Stael Bicalho é perigo constante

Um ponto crítico no trânsito da região é na confluência da Alcinha da MG-030 com Via Stael Motta Bicalho. O problema continua sem solução, apesar de abordado várias vezes pelo JORNAL BELVEDERE. Quem sai da BR-356 e acessa a Alcinha no sentido Nova Lima muitas vezes não para no cruzamento com a Via Stael Bicalho, e motoristas que vêm dessa rodovia, por sua vez, são obrigados a frear bruscamente ou a realizar manobras arriscadas jogando o carro para a esquerda da pista, prejudicando veículos que estão atrás ou na lateral.

No local havia uma placa de pare e a mesma está caída no chão, sem providências dos órgãos de trânsito. Recentemente, um pedestre mais cuidadoso, pegou a placa no chão e a encostou em uma pequena árvore junto a pista. Segundo o Departamento de Edificações, Estradas e Rodagens de Minas Gerais (DEER-MG), o domínio do órgão é a partir da MG-030. Esta rodovia, agora municipalizada, recebe a administração do DEER somente após o trevo do Vale dos Cristais. Dessa forma, passar pelo cruzamento requer muito cuidado e atenção, qualquer falta de reflexo do motorista poderá causar um grande acidente.

A Diretoria da Univiva, juntamente com o deputado Fred Costa, chegou a se reunir com a Coordenadora de Atendimento da Regional Centro-Sul, Patrícia Furtado, para uma avaliação sobre alguns problemas naquele local. Na ocasião, a PBH realizou a retirada de entulhos na lateral da via e reforçou a sinalização na pista. Hoje, porém não há nenhuma comunicação visual no local para conter os veículos que adentram a Alcinha em direção à Via Stael Bicalho.

Com a palavra, a PBH.

Um jornal moderno, com a credibilidade e a leveza no jeito diferente de informar. Notícias, cultura, gastronomia, negócios, eventos e muito mais sobre um dos bairros mais charmosos de BH.

31 3264.0211 | 3286.1181

Edição Digital

Inscreva-se e receba o Jornal Belvedere em formato PDF.

Não mandaremos Spam!