Moradores lançam campanha por mais segurança na BR-040

Publicado Sexta, 10 Agosto 2018 14:25
Risco: Por falta de obras que asseguram maior segurança, os acidentes são constantes em vários trechos da BR-040 e têm causado preocupação aos usuários Risco: Por falta de obras que asseguram maior segurança, os acidentes são constantes em vários trechos da BR-040 e têm causado preocupação aos usuários

Há cinco anos cobrando pedágio, concessionária não realiza as obras necessárias para garantir maior segurança aos usuários. Os índices de acidentes são alarmantes, inclusive com várias vítimas fatais. Diante da insegurança, Prefeitura anuncia melhoria na iluminação no trecho da BR e a Via 040 promete implantar dispositivos de proteção de segurança (defensas metálicas) no canteiro central, no trecho entre os quilômetros 544 e 564.

Após criarem um grupo através de uma rede social, moradores da região do entorno da BR-040 se mobilizaram para uma campanha de alerta às autoridades e exigir obras importantes e urgentes na rodovia, com objetivo de diminuir os índices de acidentes, muitos deles fatais. No último dia 8 de agosto, foi realizada a primeira reunião, em um colégio no Alphaville Lagoa dos Ingleses, para discutir as medidas a serem tomadas. Com a presença expressiva de convidados, sendo moradores de 11 associações de condomínios, quatro cidades, a diretoria da Associação dos Condomínios Horizontais e o deputado Fred Costa, a reunião deu lugar a um amplo debate sobre os índices de acidentes e vidas que estão sendo ceifadas na rodovia em razão da falta de fiscalização, obras emergenciais e pela falta de compromisso de utoridades e da concessionária que opera na BR-040, a Via O40.

O morador do Alphaville, José Guilherme Capanema, fez um relato da luta de todos dos moradores da região do entorno que utilizam a BR até a praça de pedágio, em ações de alerta e reivindicações às autoridades a partir de reuniões, audiências públicas, visitas técnicas e outros procedimentos. O objetivo do movimento dos moradores do entorno e usuários da BR-040 é criar uma ação permanente para reduzir o número de acidentes e trazer mais segurança para os usuários da rodovia. A duplicação prometida para o trecho, a instalação de radar e outras obras para garantir mais segurança à via foram amplamente discutidas.

José Guilherme Capanema informou a todos os presentes, que de acordo com dados da Polícia Rodoviária Federal, de janeiro de 2017 a junho de 2018, foram registrados 317 acidentes na rodovia, com uma média de 17,7 ocorrências no mês. Desse total, cerca de 478 veículos provocaram acidentes, com uma média de 26,5 veículos no mês, com 684 pessoas envolvidas, sendo 15 mortas e 87 gravemente feridas. Um número alarmante para uma rodovia que é privatizada e que deveria receber obras descritas em seu contrato de concessão, como a duplicação das pistas, retornos e implantação de trevos, viadutos, etc. – grifo do JORNAL BELVEDERE.

Reivindicações

Na ocasião, os moradores apresentaram uma pauta de reivindicações que serão levadas às autoridades competentes para acabar com os acidentes no Trevo do Alphaville à praça de pedágio. A primeira medida será acionar o Ministério Público Federal, o Ministério Público Estadual e o Instituto Estadual de Florestas (IEF) e movimentos ambientais, além de outros órgãos envolvidos, para intensificar a fiscalização da rodovia por radares móveis e promover a fiscalização intensiva e ostensiva de veículos de passeio e de carga, em especial carretas de minério que trafegam em alta velocidade.

Também, que sejam fiscalizadas a liberação das licenças ambientais necessárias à duplicação da via, a verificação pelos órgãos acionados sobre a responsabilidade da Via 040 e ANTT em relação aos acidentes ocorridos, pois ambas alegam que a rodovia e a sinalização estão de acordo com a lei nacional e internacional de trânsito, porém, com acidentes fatais ainda ocorrendo.

Os moradores ainda vão cobrar, através do Ministério Público, soluções urgentes para as entradas de acesso a Piedade do Paraopeba, Moeda, Água Limpa, Villabella – onde há congestionamento de carretas vindas da Mineração Herculano -, Aconchego da Serra, Coca Cola, Clube Serra da Moeda, Iate Clube e o túnel do Retiro do Chalé.

Na ocasião, o presidente da Associação dos Moradores de Água Limpa (AMALI), Nílson Cruz, lembrou uma situação de risco e conflito, em que cerca de 600 crianças trafegam diariamente pela rodovia em ônibus escolares em direção às escolas no Jardim Canadá. Outro dirigente de Associação Balneário Água Lima apresentou um termo de compromisso enviado à entidade, pela Invepar Via 040, em 2015, onde a mesma assegura à comunidade sobre a implantação de um trevo de acesso ao balneário Água Limpa. “Foi prometido em 2015 e desde então nada foi feito”, lamenta Humberto, líder da Associação.

Rodovia terá melhoria na iluminação e defensas metálicas

Durante o encontro, o secretário Robert Laviola, da Regional Noroeste de Nova Lima, informou que a prefeitura irá realizar a iluminação na rodovia, do trecho do Mutuca até o Alphaville Lagoa dos Ingleses, contemplando a iluminação da alça do Vale do Sol e ajuizar uma ação contra a Via 040 para receber os recursos sobre os danos causados na fiação e postes que terão que ser corrigidos por causa de serviços feitos pela concessionária quando da retirada de árvores ao longo da via (Veja matéria nessa edição). Ele informou, ainda, que a concessionária irá implantar, a partir do dia 13 de agosto, dispositivos de proteção de segurança (defensas metálicas) no canteiro central, entre o km 544 e Km 564.

O trecho que irá receber essas defensas, porém, não atende a necessidade de todos os moradores lotados em outros pontos críticos e de risco no entorno da rodovia. Mas, os integrantes do movimento prometem lutar para garantir a segurança na via. Algumas ações já foram indicadas e estão sendo estudadas pelo grupo, para alertar e sensibilizar formadores de opinião, imprensa e todos os usuários da via, independentemente se são moradores do seu entorno ou não, sobre o perigo da estrada e a necessidade de obras e outros dispositivos para a segurança na BR-040.

Um jornal moderno, com a credibilidade e a leveza no jeito diferente de informar. Notícias, cultura, gastronomia, negócios, eventos e muito mais sobre um dos bairros mais charmosos de BH.

31 3264.0211 | 3286.1181

Edição Digital

Inscreva-se e receba o Jornal Belvedere em formato PDF.

Não mandaremos Spam!