Fred Costa, em Brasília, lutará por mais segurança pública e obras na BR-040

Publicado Terça, 11 Dezembro 2018 16:53
Representação: Deputado Fred Costa afirma que a luta continuará na Câmara Federal © Foto: Divulgação/Cedida ALMG Representação: Deputado Fred Costa afirma que a luta continuará na Câmara Federal © Foto: Divulgação/Cedida ALMG

Depois de dois mandatos na Assembleia Legislativa de Minas, deputado que foi eleito para Câmara Federal argumenta que terá mais condições de lutar por avanços na área de segurança pública, melhorias na BR-040 e na MG-030, além trabalhar pela Reforma Tributária e combater o aumento de impostos.

Considerado uma das jovens lideranças políticas do Estado, o deputado Fred Costa foi eleito para a próxima legislatura a deputado Federal. Depois de dois mandatos na Assembleia Legislativa do Estado de Minas Gerais (ALMG), onde teve uma forte atuação, o parlamentar quer levar para Brasília a disposição para continuar lutando pelas questões que tanto preocupam os mineiros, em especial os moradores da região do Belvedere e condomínios de Nova Lima, Raposos e Rio Acima, que são a segurança e a mobilidade urbana, como também a questão da melhorias da BR-040.

Antes de chegar à Assembleia de Minas, Fred Costa exerceu dois mandatos de vereador em Belo Horizonte. Foi eleito pela primeira vez em 2004, aos 26 anos, obtendo 4.244 votos. Em 2008, foi reeleito com 12.183 votos. Presidiu as Comissões de Legislação e Justiça e de Saúde e Saneamento da Câmara de BH, onde se destacou pelo volume de projetos apresentados e aprovados e por discutir temas de relevância para a cidade, entre eles a luta contra o aumento do IPTU.

Mesmo vindo de uma família sem tradição política, atua desde muito jovem em movimentos sociais e na área pública. Foi presidente da Associação de Moradores do Bairro Santa Lúcia por sete anos; membro do 1º Conselho Municipal da Juventude do Diretório Acadêmico de Direito do UNI-BH; e colaborador da OAB Jovem. Como deputado estadual, tem como principais bandeiras do mandato a mobilidade urbana, a segurança pública, o combate ao aumento de impostos, o meio-ambiente e a defesa dos animais.

O JORNAL BELVEDERE traz uma entrevista com Fred Costa, deputado federal eleito nas últimas eleições quando obteve 87.446 votos. Ele garante que como deputado federal, continuará trabalhando como um dos maiores representantes da região Centro-Sul de BH, em especial em parcerias com os moradores do Belvedere e de condomínios de Nova Lima e região.

Jornal Belvedere - Deputado, como você avalia o trabalho que foi feito nestes oito anos na Assembleia Legislativa de Minas?
Fred Costa - Antes de mais nada, gostaria de cumprimentar a todos os leitores, bem como toda a equipe do JORNAL BELVEDERE! Nestes dois mandatos de deputado estadual pudemos arregaçar as mangas e fazer muito pela região. Conseguimos impedir a instalação do pedágio nas proximidades do Jardim Canadá; avançamos com melhorias para a segurança pública, sempre estreitando o contato da Polícia Militar com o cidadão; exigimos exaustivamente, rotineiramente, melhorias na BR-040 e na MG-030; e combatemos o aumento de impostos, mesmo que praticamente de forma solitária no legislativo, mas alcançamos resultados importantes. Ainda assim, muito mais precisa ser feito, e por isso a escolha de ter me candidato a deputado federal. Lá acredito que teremos um poder de atuação ainda mais forte e significativo para a população.

JB - Em 2013, o senhor teve um papel decisivo na questão do pedágio, impedindo a instalação de uma praça de pedágio no Km 562 da BR-040, entre o Jardim Canadá e o Alphaville. Vimos que o seu mandato foi muito atuante na cobrança de melhorias na rodovia neste último mandato, mas não vimos ainda o início das obras de duplicação e de outras intervenções tão aguardadas. Há algo que poderá ser feito em Brasília para reverter este quadro?
FC - É nisso que acreditamos. Como vocês sabem, a BR-040 é uma rodovia federal. Portanto, no mandato de deputado federal poderemos ser muito mais efetivos nas nossas ações. Exigimos uma nova concessão para a BR-040, como um novo edital mais rígido nos cumprimentos das obrigações por parte da empresa. Em todo o percurso que vai de Juiz de Fora até Brasília, o trecho que passa por Belo Horizonte, Nova Lima e Itabirito é o que apresenta o maior índice de acidentes. Por isso, as intervenções mais relevantes devem começar por aqui! Duplicação e instalação de barreira divisória entre as pistas, que é fundamental para impedir os episódios de colisão frontal. Precisamos, também, que desta vez seja vencedora uma empresa mais interessada em de fato realizar as melhorias na rodovia. Desde 2015 o pedágio vem sido cobrado do cidadão que passa por ali, e até agora não observamos o retorno.

JB - E na Segurança? Quais foram os avanços, e o que pode ser feito a seguir?
FC - Neste último mandato pressionamos o Governo de Estado a investir efetivamente no Projeto das Bases Comunitárias Móveis da Polícia Militar. Me lembro que até 2016 o 22º Batalhão contava com apenas duas Bases Móveis, que precisavam revezar entre várias localidades da região Centro-Sul. Hoje, após a nossa cobrança, o 22º BPM já conta com cerca de uma dúzia de Bases Móveis, e todas elas tem uma rotina de patrulha em um ponto específico. Diariamente, observamos a unidade posicionada entre o BH Shopping e o BH2Mall. Este contato mais próximo dos policiais militares com os moradores tem trazido resultados positivos, e queremos a manutenção e ampliação deste programa. Além disso, agora, no Congresso Nacional, poderemos legislar na esfera penal. Vamos trabalhar no sentido de uma reforma significativa no Código Penal! Não podemos aceitar este nível de impunidade. O criminoso precisa ser julgado com celeridade e ter a sua pena devidamente aplicada. Se a Justiça tarda de mais a ser executada, no final das contas temos Justiça nenhuma… Não podemos aceitar isso. Também queremos dar um apoio maior às Forças Policiais, para que tenham todas as condições necessárias para desempenhar o seu trabalho.

JB - Em relação à carga tributária, quais são os próximos passos?
FC - O País não aguenta pagar mais tantos impostos. A Reforma Tributária é uma das nossas prioridades para os próximos anos. Com o enxugamento da máquina pública e uma menor tributação recaindo sobre os ombros do contribuinte, teremos uma economia mais pujante. Mais contratações, mais consumo, menos desemprego. É disso que precisamos para sair da crise. Além disso, continuaremos muito atentos às movimentações dos executivos municipais e estaduais. Quando estivemos na Assembleia de Minas, nada nos impediu de judicializar o combate ao aumento de impostos em Nova Lima. Inclusive, conseguimos barrar a Taxa de Limpeza Pública no município. Continuaremos vigilantes! Tanto em Belo Horizonte, quanto em Nova Lima, quanto no Governo de Minas.

JB - Quais são as suas expectativas em relação ao novo cenário político?
FC - São as melhores o possíveis! O eleitor nestas eleições deu uma ótima resposta na urnas. Tanto no executivo, quanto no legislativo, temos novos quadros. Acredito que há muita convergência com a postura que o nosso mandato sempre apresentou, e por isso estou esperançoso especialmente nas políticas tributárias, que devem ser mínimas. De todo modo, vocês já sabem do meu compromisso de independência parlamentar. Onde houver propostas boas ao cidadão, serei evidentemente favorável. Entretanto, quando houver divergência com o que acreditamos ou quando prejudicar a população, não teremos o menor constrangimento de protestar, como sempre fizemos.

Um jornal moderno, com a credibilidade e a leveza no jeito diferente de informar. Notícias, cultura, gastronomia, negócios, eventos e muito mais sobre um dos bairros mais charmosos de BH.

31 3264.0211 | 3286.1181

Edição Digital

Inscreva-se e receba o Jornal Belvedere em formato PDF.

Não mandaremos Spam!