Omilia, gastronomia de vanguarda, no Vila da Serra

Publicado Segunda, 26 Março 2018 19:38
Chef Gabriel Fonseca: Aproximar pessoas e criar laços © Foto: divulgação/Daphine Carvalho/ccedida Omilia Chef Gabriel Fonseca: Aproximar pessoas e criar laços © Foto: divulgação/Daphine Carvalho/ccedida Omilia

Restaurante, na Rua da Mata, na Villa Monteverde, prima pelo conceito mineiro: receber bem, com muita conversa e boa comida em volta da mesa.

Um lugar aconchegante e que atrai a atenção dos clientes pelo cardápio diferenciado, pelo atendimento e pela combinação da cozinha internacional, mineira e de vanguarda. Assim é o Omilia, um restaurante localizado na Rua da Mata, na Villa Monteverde, no bairro Vila da Serra. Inaugurada em 2016, a casa prima por um conceito universal mineiro: receber bem, com muita conversa e boa comida em volta da mesa. Aliás, a palavra Omilia vem do grego, conversar.

Quem comanda o restaurante é o chef Gabriel Trillo Fonseca, que atua desde os 18 anos como cozinheiro. Ex-chef do Ouro Minas, do Café do Cine Brasil e do Verano, esse último localizado no bairro Gutierrez, sua mais recente casa é o Entre Vinhos, um lugar aconchegante e de bom gosto instalado na Rua Esmeralda, no coração do bairro Prado.

Gabriel Fonseca conta que o jeito mineiro de receber do Omilia torna o lugar ideal para aproximar pessoas e criar laços. “Aqui os morados e vizinhos se conhecem e outros acabam fazendo novas amizades”, comenta. Quem vai ao Omilia vai degustar uma comida com toques diferentes e sabores incríveis, com preços muito acessíveis. Entre os pratos mais pedidos na casa estão a tilápia empanada da farinha de pão de queijo – exclusividade do chef – com tomate confitado, a R$ 49,00 o prato, e o Flat iron, um filet Angus acompanhado de biju de mandioca, aligot e farofa de torresmo, que sai a R$ 79,00. Imperdível! (grifo do Belvedere).

Antes, porém, enquanto a conversa fiada rola solta junto aos comensais proseadores, a dica é pedir como entrada um carpaccio de carne de sol com vinagrete de pimenta biquinho, uma saladinha de rúculas e com lascas de queijo Grana Padano e cestas de pães caseiros. E, para adocicar a prosa, a dica é uma sobremesa feita de finas lâminas de biscoitos amanteigados, chantilly com queijo canastra e mousse de goiabada cascão.

O Omilia oferece ainda um mini empório onde são comercializados os produtos de uso da casa, como o queijo canastra com 30 dias de cura. Há também alguns derivados de jabuticabas como compostas, geleias, molhos ao estilo barbecue e na cachaça, café do Serro e queijos de Cruzília. Além disso, o restaurante oferece a sua própria cerveja, a Mineiridade, uma carta de vinhos selecionada, licores e Aperol.

O restaurante disponibiliza 38 lugares aos clientes, possui espaço multiuso para confrarias e aulas de culinárias são oferecidas pelo próprio chef Gabriel Trillo, nas terças e quartas-feiras. Também aceita reserva de espaço para eventos corporativos, coquetéis e aniversários.

A casa só não funciona nas segundas-feiras. Nas terças e quartas é aberta a partir das 17 horas. Quinta e sexta abre ao meio-dia para almoço executivo. Aos sábados, a pedida é o buffet de feijoada, onde o cliente se serve à vontade pagando apenas R$ 40,00, e à noite volta com a comida tradicional e de vanguarda. Aos domingos e feriados o Omilia abre do meio-dia até às 18 horas.

As reservas podem ser feitas pelo telefone 3643.1773 ou pelo WhatsApp (31) 997242038.

Um jornal moderno, com a credibilidade e a leveza no jeito diferente de informar. Notícias, cultura, gastronomia, negócios, eventos e muito mais sobre um dos bairros mais charmosos de BH.

31 3264.0211 | 3286.1181

Edição Digital

Inscreva-se e receba o Jornal Belvedere em formato PDF.

Não mandaremos Spam!