Papai Noel Mirim: uma brincadeira que vem transformando vidas

Publicado Terça, 11 Dezembro 2018 16:39
João Marcelo Dieguez: Aos 8 anos tornou-se o Papai Noel Mirim de Nova Lima e hoje administra um projeto social João Marcelo Dieguez: Aos 8 anos tornou-se o Papai Noel Mirim de Nova Lima e hoje administra um projeto social

João Marcelo Dieguez, desde os 8 anos, faz a festa de Natal das crianças de Nova Lima e através de uma ONG vem realizando uma série de atividades sociais durante o ano.

Muitos que moram na região não conhecem a história do Papai Noel Miriam. Tudo começou quando João Marcelo Dieguez, atual vice-prefeito de Nova Lima, ganhou de sua mãe uma roupa de Papai Noel, aos 8 anos de idade. Ele estava na casa da avó com a família aguardando o “Papai Noel de verdade” chegar. O presente, conta ele, mudou a sua vida para sempre. “Enquanto o Bom Velhinho não aparecia, resolvemos sair pelas ruas levando várias balas e chocolates para as crianças. Primeiro, fomos ao hospital e depois ao comércio, aos pontos de ônibus e outros locais onde estavam pessoas que não haviam chegado em casa, por algum motivo, para comemorar o Natal. Depois disso, minha família se organizou e eu virei o Papai Noel Mirim. Ao completar 13 anos, saí em busca de apoio do comércio local e das escolas e, assim, o movimento foi ganhando força”, explicou.

Durante anos, o Papai Noel Miriam fez a festa da criançada de Nova Lima. Enquanto muitos esperavam pela presença de um senhorzinho rechonchudo, de barbas brancas bem fartas, com enormes botas pretas e com características da idade, encontravam uma criança vestida de Noel. “Uma criança que se enche de emoção, se veste não só com o traje característico, mas de sonhos e da nobreza da solidariedade, e se transforma para ajudar outra igual a ela. É como se a infância falasse diretamente com seu interior e assumisse o papel central nas relações familiares e na sociedade, no intuito de tornar o mundo mais humano, cheio de sensibilidade, mais criança”, ensina João Marcelo.

Projeto social

De uma brincadeira de criança aflita por esperar Papai Noel em casa, a ação recebeu todo o apoio da família, ganhou corpo, virou projeto social e hoje encampa várias atividades. Ao se transformar em ONG acabou realizando trabalhos junto ao voluntariado nova-limense, e em campanhas como a do agasalho, o mutirão do material escolar, o arraial solidário, a escolinha de futebol, a campanha de doação de sangue e o projeto carreiras que visa criar novas oportunidades para quem mais necessita.

Hoje, João Marcelo não veste mais de Papai Noel, esse papel é do pequeno Bernardo. É ele quem vai fazer a festa, no próximo dia 22, para mais de 800 crianças na cidade, depois que descer de helicóptero no campo do Villa Nova. Além do Papai Noel Miriam, agora a ONG ganhou um mascote. “Ele é o ajudante do Papai Noel e é quem participa de todos os projetos desenvolvidos pela entidade. E será ele que irá fazer as arrecadações e receber os presentes junto com o Papai Noel do Vila da Serra”, diz João Marcelo.

Um jornal moderno, com a credibilidade e a leveza no jeito diferente de informar. Notícias, cultura, gastronomia, negócios, eventos e muito mais sobre um dos bairros mais charmosos de BH.

31 3264.0211 | 3286.1181

Edição Digital

Inscreva-se e receba o Jornal Belvedere em formato PDF.

Não mandaremos Spam!